quinta-feira , 20 setembro 2018 - 06:45
Home / Capa Slide / COFFITO publica resolução e reconhece prática da Terapia Ocupacional no Desporto e no Paradesporto

COFFITO publica resolução e reconhece prática da Terapia Ocupacional no Desporto e no Paradesporto

O COFFITO, por meio da Resolução nº 495, reconheceu mais um campo de atuação para a Terapia Ocupacional: o Desporto e o Paradesporto. De acordo com o texto, entre as competências necessárias para o exercício está a prescrição, orientação, execução e desenvolvimento de produtos, recursos, metodologias, estratégias, práticas e serviços de tecnologia assistiva para melhorar o desempenho de atletas e paratletas, buscando, assim, auxiliá-los nas Atividades de Vida Diária e Instrumentais.

Para a vice-presidente do COFFITO, Dra. Patrícia Luciane Santos de Lima, esta normativa é a primeira da profissão na área do esporte, tendo sua origem em visitas às instalações das Paralimpíadas em 2016. Na época, junto ao Comitê Paralímpico, foi possível vislumbrar os benefícios que a inserção do terapeuta ocupacional traria aos atletas. “A Terapia Ocupacional no Desporto e no Paradesporto surgiu da percepção de como a profissão auxiliaria na vida do atleta e do paratleta e, consequentemente, das repercussões positivas que traria ao seu rendimento. Hoje, com orgulho, podemos comemorar mais esta vitória e reconhecimento à nossa profissão”.

Outro ponto de destaque da Resolução é a utilização da Classificação Internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde (CIF) para complementar a avaliação física do paratleta e determinar o desempenho esportivo adequado à modalidade de competição, incluindo, por exemplo, o diagnóstico ocupacional, que, neste caso, comreende a avaliação do tônus muscular, força muscular, coordenação e observação da capacidade residual e da mobilidade.

De acordo com a Dra. Patrícia Luciane Santos de Lima, o texto contou com a colaboração da Sociedade Nacional de Fisioterapia Esportiva (SONAFE), visando, assim, regular a pratica à Terapia Ocupacional em respeito às atribuições da especialidade de Fisioterapia Esportiva.

Clique aqui e leia a Resolução na íntegra.

Veja Também

Conselhos de saúde e MP encontram irregularidades em vistoria ao HUT

Representantes do Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional do Piauí (Crefito 14), Ministério Público …

MP-PI e conselhos de saúde vistoriam atendimento a gestantes na Maternidade do Dirceu

Acompanhados do promotor de Justiça Eny Marcos Vieira Pontes, o presidente do Conselho Regional de …