quinta-feira , 21 fevereiro 2019 - 09:57
Home / Capa Slide / Após ação do Crefito 14, Prefeitura de Parnaíba retifica edital de processo seletivo

Após ação do Crefito 14, Prefeitura de Parnaíba retifica edital de processo seletivo

A Prefeitura de Parnaíba atendeu à demanda do Mandado de Segurança impetrado pelo Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (Crefito 14) e alterou o edital do processo seletivo cujas provas estão previstas para dia 17 de fevereiro. Dessa forma, o piso salarial e a carga horária dos fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais agora obedecem à legislação referente às categorias.

Com a alteração, a remuneração para o cargo de fisioterapeuta, com carga horária de 20 horas semanais, será de R$ 2.402,45. Já os terapeutas ocupacionais, com carga horária de 30 horas semanais, terão remuneração de R$ 2.801,67.

“Dentro de suas competências e atribuições, o Crefito 14 está atento para combater os editais de Concurso Público que desrespeitam o piso salarial dos Fisioterapeutas e Terapeutas Ocupacionais. Dessa forma, entramos com Mandado de Segurança para que o edital do processo seletivo de Parnaíba fosse retificado. Agora, os valores de remuneração e as cargas horárias previstos em edital foram devidamente compatibilizados, contemplando os profissionais com uma atitude de respeito”, frisa o presidente da Comissão Provisória do Crefito 14, durante o período do processo eleitoral, Wilen Heil e Silva.

De acordo com o edital, são oferecidas duas vagas mais cadastro de reserva para os fisioterapeutas; e três vagas mais cadastro de reserva para os terapeutas ocupacionais. O Instituto Legatus é a banca organizadora do certame (www.institutolegatus.com.br)

Veja Também

Coffito reconhece atuação do fisioterapeuta nas Unidades de Emergência e Urgência

O Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (COFFITO) decidiu reconhecer a atuação do Fisioterapeuta …

Justiça determina que a quiropraxia é especialidade da Fisioterapia

O juiz da 22ª Vara Federal da Seção Judiciária de Brasília, nos autos do processo …